Início » Prefeita Marcia Bin autoriza inclusão da Vila Bandeirantes no programa “Regulariza Poá”

Prefeita Marcia Bin autoriza inclusão da Vila Bandeirantes no programa “Regulariza Poá”

by Prefeitura de Poá

Ação deve beneficiar 200 famílias; cerca de 250 matrículas já foram entregues desde o início de 2021 e mais 1,5 mil devem ser entregues ainda este ano

A prefeita poaense Marcia Bin autorizou a Secretaria de obras Públicas, por meio do Departamento de Habitação de Interesse Social, a iniciar os procedimentos para a regularização fundiária urbana da Vila Bandeirantes. A inclusão foi feita durante reunião realizada com uma comitiva de moradores, na manhã desta quinta-feira (31/03), e deve beneficiar cerca de 200 famílias.

De acordo com o diretor, os moradores do referido bairro haviam procurado o departamento há alguns dias para inclusão da área no programa municipal “Regulariza Poá”. “Entramos em contato com a prefeita Marcia Bin que, prontamente, se disponibilizou a receber a comitiva e, hoje, foi autorizado o início dos procedimentos para regularização da Vila Bandeirantes. Já vou solicitar uma demarcação urbanística da área para dar início aos trabalhos”, enfatizou Antonio Carlos.

Desde o início da gestão, em janeiro de 2021, a administração municipal já realizou cerca de 250 matrículas de lotes aos seus respectivos proprietários, por meio do programa Regulariza Poá e, até o final deste ano, a expectativa de entrega é de mais 1,5 mil certidões. “Para obter esta matrícula de modo particular, o valor é muito alto e, por isso, muitas pessoas acabam não obtendo a matrícula do lote. Aderindo ao programa, o proprietário da área recebe a certidão do imóvel de forma gratuita. Sei o quão importante é esse documento para o munícipe e, por isso, fico muito feliz em ver que o programa está fluindo e dando um retorno positivo ao cidadão”, afirmou a prefeita Marcia Bin.

Somente na última segunda-feira (28/03), a chefe do Executivo municipal realizou a entrega de 47 matrículas para os moradores das ruas Imirim, Dom Pedro II e Piraquara, no Jardim Emília. “Neste núcleo tínhamos 172 regularizações tramitando no departamento, porém, só conseguimos concluir 47, neste primeiro momento, porque 125 estão aguardando o envio dos documentos por parte dos moradores, para que possamos finalizar os processos e conceder as matrículas”, ressaltou o diretor.

FOTOS: Rodrigo Nagafuti – Secom Poá